quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Video Ecológico


Este vídeo mostra em forma de desenho animado os problemas que passam os materiais recicláveis, além de trabalhar a criatividade, reciclagem, cidadania e educação.  Ótimo para trabalhar a educação ambiental nas escolas.

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

SALA VERDE HOMENAGEA CATADORA ESTAMIRA EM CINE AMBIENTAL

 
Estamira Gomes de Sousa, ou simplesmente Dona Estamira, foi catadora do Jardim Gramacho por mais de 20 anos e é personagem real do documentário que a Sala Verde exibe dia 10 de Agosto no Cine Ambiental.

Falecida no dia 28 de Julho deste ano em decorrência de uma septicemia (infecção generalizada), Estamira estava internada no Hospital Miguel Couto no Rio de Janeiro, pois há anos lutava contra a diabetes. Contudo, segundo Ernani, um dos três filhos de Estamira, ela não recebeu atendimento adequado no hospital, vindo a falecer em menos de dois dias de
internação.

Assim como o fotógrafo Sebastião Salgado, o diretor Marcos Prado foi fortemente criticado ao registrar o cotidiano de Estamira em documentário. No documentário, o diretor não se apropria da imagem de Estamira para estetizar a miséria e sim para humanizar a personalidade de uma mulher que vive em um meio esquecido ou banalizado pela sociedade, o lixão.

“Ela acreditava ter a missão de trazer os princípios éticos básicos para as pessoas que viviam fora do lixo onde ela viveu por 22 anos. Para ela, o verdadeiro lixo são os valores falidos em que vive a sociedade", comentou Prado.

Como forma de prestar uma singela homenagem a mulher tida como louca e profeta do lixo, a Sala Verde UFRN promove o Cine Ambiental Especial com o documentário de Marcos Prado. A sessão ocorre na Videoteca 01 da Biblioteca Central Zila Mamede tendo início às 15h.

Antes da sessão serão exibidos curtas-metragem e campanhas educativas e após a exibição os participantes são convidados para discutir as questões levantadas durante o filme.

O cine ambiental é um projeto realizado pela sala verde UFRN e visa contribuir com o processo de construção de valores culturais comprometidos com a qualidade ambiental, além do fortalecimento dos processos não formais e informais de educação ambiental. Tem o papel de sensibilizador/mobilizador, ampliando o espaço do diálogo sobre a complexidade das questões ambientais da contemporaneidade, da forma mais permanente possível com a comunidade acadêmica e sociedade em geral.

Dia: 10 de Agosto de 2011
Hora: 15h
Local: Videoteca 01 da Biblioteca Central Zila Mamede
Mais informações: Sala Verde - Diretoria de Meio Ambiente
Fone: 3215-3162 Ramal: 232
Twitter: @Sala_Verde_UFRN

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Este momento foi uma surpresa que os alunos da comunidade rural ao qual a II SEMEIA estava em momento de campo, onde fizemos plantação de mudas típicas da região as margens do Rio Umarí. Um trabalho de educação ambiental onde fizemos nossa parte para que o Rio não morra. Estas crianças fizeram seus trabalhos e foram nos visitar no momento do lanche. Um momento ímpar e que ficará para sempre em nossas memórias. Por isso gostaria de deixar aqui no Blog registrado para todos que não puderam ver este momento de cidadania por parte destes pequenos, tenham o privilégio de ver também.

Todos nós do MUDA e da SEMEIA de Umarizal agradece especialmente a professora pelo apoio e incentivo. Confiram o vídeo abaixo.


video



terça-feira, 2 de agosto de 2011

Quarta-Feira, dia do Vídeo Ecológico

Estamos com uma novidade aos leitores do Blog MUDA.
Você que visita o blog e gosta das questões ambientais agora pode indicar um vídeo sobre o tema "Meio Ambiente". Todas as Quartas - Feiras postarei um vídeo, seja ele indicado por mim ou pelos leitores do blog. É só mandar para o endereço de e-mail abaixo com um texto falando sobre o vídeo que posto aqui. Aguardo a participação de todos. De inicio irei postar os vídeos que gosto e também irei relatar um pouco sobre estes vídeos para que dê ainda mais vontade de ver até o final. Você também pode criar seu próprio vídeo, fiquem a vontade para inovar.


Atenciosamente:


Daniel da Silva Sousa


Moderador do Blog MUDA


Tecnólogo em Gestão Ambiental (IFRN)


CJ (Coletivo Jovem de Meio Ambiente - RN)


Educador Ambiental


E-mail: danieltrilheirorn@gmail.com

" O que eu faço, é uma gota no meio de um oceano. Mas sem ela, o oceano será menor." (Madre Tereza de Calcutá)

Consumidor aceita pagar mais por produtos feitos com energia limpa




Em pesquisa realizada com 31 mil pessoas espalhadas por todo o mundo, mais da metade dos participantes respondeu que aceita pagar mais por produtos feitos a partir de energia limpa. A conclusão é de uma amostragem encomendada pela dinamarquesa Vestas e realizada durante o mês de maio deste ano.Em pesquisa realizada com 31 mil pessoas espalhadas por todo o mundo, mais da metade dos participantes respondeu que aceita pagar mais por produtos feitos a partir de energia limpa. A conclusão é de uma amostragem encomendada pela dinamarquesa Vestas e realizada durante o mês de maio deste ano.



Em outros questionamentos, 90% das pessoas disseram querer mais produtos que utilizam fontes renováveis, e 79% afirmaram que têm um olhar mais positivo para marcas que produzem usando energia eólica.

“O cidadão e o consumidor estão vindo junto como uma nova parte interessada e engajada no desenvolvimento e em poder influenciar a sociedade nos hábitos de consumo”, afirmou o vice-presidente de marketing da Vestas, Morton Albaek. A empresa atua globalmente na fabricação, instalação, operação e manutenção de turbinas eólicas. [Via Jornal da Energia] / ECO4PLANET